Descubra 6 passos para CURAR a sua testosterona baixa

Seguindo as dicas que vou te mostrar logo a seguir, um grande amigo conseguiu curar seu problema de testosterona baixa.

Eu mesmo aumentei em 30% a minha produção de testosterona e comprovei isso com exames de sangue.

O aumento na produção do seu corpo vai depender de diversos fatores, por isso eu te dou uma recomendação: vá num endocrinologista e faça exames de sangue antes e depois desse experimento.

Gostaria de lembrar que eu não sou médico e o que eu vou ensinar aqui foi o que EU fiz para curar minha testosterona baixa.

A informação dada aqui não deve, nunca, ser substituída por uma orientação especializada. Sempre consulte seu médico antes de mudar sua dieta ou rotina de exercícios. Leia nosso aviso legal antes de continuar.

Lembre-se: você vai ter que se comprometer você tem que se comprometer com a sua saúde e com o seu corpo.

O que eu fiz para aumentar naturalmente a minha produção de testosterona foram, em resumo, uma melhora na minha alimentação, nos meus exercícios e no meu sono.

Foi basicamente isso.

Mas é óbvio: os detalhes são cruciais para uma melhora significativa no aumento da sua testosterona. E eu vou ensiná-los um a um para você neste artigo.

As mudanças que eu vou recomendar aqui não vão apenas melhorar a vida de quem tem testosterona baixa, como também vão melhorar sua saúde e bem-estar como um todo.

Saiba que tudo o que você fizer aqui não vão só beneficiar na produção da testosterona, como vão tornar você em uma pessoa com mais energia e disposição.

Preparado?

Então antes de mais nada veja este site clicando aqui para transformar sua vida e aumentar sua testosterona baixa.

1º passo: FOQUE em uma dieta para quem tem testosterona baixa

homem-de-verdade-dieta

O primeiro passo do protocolo é o mais básico: se alimentar como homem.

Nossa dieta desempenha um enorme papel na produção de testosterona.

Alguns alimentos – como o brócolis, a couve-flor e o repolho – podem ajudar a impulsionar a produção da testo de nosso corpo.

E para aumentar sua testosterona você tem que seguir um estilo de vida ‘rústico’.

Imagine que você voltou algumas centenas de anos e os alimentos disponíveis são os mais naturais possíveis.

Então volte a se alimentar com alimentos bons que contenham gorduras boas: abacate, ovo, castanhas..

Alimente-se também com alimentos com bastante zinco e magnésio, do tipo: banana, maçã, semente de girassol, carne vermelha, amendoim, castanha-do-pará.

Até mesmo a uva passa é um ótimo alimento pois ela contém boro.. e se você não tiver boro suficiente no seu sangue isso pode causar uma testosterona baixa.

Se você quiser uma dieta completa pra otimizar sua vida, veja este suplemento poderoso!

E quando vou poder comer porcarias? E o álcool? E carboidratos?

três homens obesos com a barriga aparecendo

O meu foco é sempre em comer os meus carboidratos do dia vindos de vegetais ou das frutas que eu como de manhã. Tento ao máximo evitar açúcar, fast-food, alimentos pré-prontos e gorduras ruins (gordura trans e óleos de cozinha em geral).

Eu também gosto de um Burguer King de vez em quando, de comer uma porcaria borrachuda de uma lasanha de microondas quando tô com preguiça, mas, como disse: evito ao máximo.

Se posso, eu me alimento bem.

A verdade é que quando eu tenho foco, eu SEMPRE consigo me alimentar bem.

E quando eu saio com amigos pra bares e baladas?

Quando quero encher a cara nos finais de semana, prefiro destilado à cerveja por diversos motivos:

  • alguns estudos mostram que a cerveja pode diminuir a produção de testosterona;
  • eu não ligo tanto pro sabor da maioria das cervejas;
  • a cerveja é extremamente calórica, o que atrapalha minha dieta;
  • se eu quero ficar bêbado, cerveja nenhuma consegue atingir o objetivo: então pra que tomar 2 litros de cerveja e ficar meio alto se eu posso atingir o mesmo objetivo com 200ml de vodka? Gasto menos e ainda engordo menos.

Eu sinceramente não vejo muito motivo pra tomar cerveja se não for pra ficar alterado ou bêbado. Então se eu quero ficar tranquilo, tomo uma ou duas doses de cachaça. Se eu quero ficar doido, encho muito mais a cara. Depois disso eu tomo uma ou outra cerveja de leve pra manter o meu nível alcoólico.

Dito tudo isto, é óbvio que você não precisa seguir exatamente a minha dieta.

O que eu apresentei aqui deve ser visto como uma base pra você montar a sua própria alimentação e como aumentar a testosterona.

Um resumo de como é a minha dieta pra manter minha testosterona em alta é:

  • Me esbaldo de carne vermelha;
  • Como bastante gordura de diversas fontes saudáveis (nozes, amendoim, carnes, ovos, azeite);
  • Não me preocupo com a ingestão de colesterol; ao contrário, me forço a comer ao menos 2 ovos ao dia;
  • Coloco pelo menos metade do prato de vegetais que propiciam uma ajuda na produção da testosterona (brócolis, couve-flor, repolho)
  • Bebo ao menos dois litros de água ao dia e não tomo refrigerantes.

2º passo: Suplemente da forma correta para pessoas com testosterona baixa

suplementação-correta-para-aumento-de-testosterona

Antes de mais nada: quase todos os suplementos que prometem um aumento na sua testosterona não funcionam.

A absoluta maioria deles são uma farsa: não há comprovação científica de que nenhum deles cumpra o que prometem.

Existem alguns poucos suplementos que ajudam a aumentar a produção de testosterona.

Eles são bastante específicos e normalmente são bem baratos.

E também tem os suplementos que, por mais que não curem testosterona baixa, eles fazem a libido e o desejo sexual aumentar como se você voltasse a ter 18 anos.

Entre eles estão: a Maca, o Tribulus Terrestris, a Arginina e o principal: o Anadrole

3º passo: Se exercite.

Arnold puxando empurrando levantando e abaixando pesos

Existem dois mecanismos pelos quais os exercícios impulsionam o aumento da testosterona.

O primeiro mecanismo funciona de forma bem simples: quanto mais músculos alguém tem, mais calorias ele consome naturalmente; quanto mais calorias ele consome, mais magro ela ficará.

E quanto menos gordura ele tem, mais testosterona produzirá, já que a gordura dificulta a sua produção.

O segundo mecanismo é o próprio exercício: existem treinos específicos que produzem mais testosterona do que treinos normais.

Se você não está seguindo um treino de musculação, você tem que parar de frescura e ir pra academia e aprender o que é testosterona.

Puxe ferro / Levante peso.

Se você quer aumentar sua testosterona você tem que levantar peso. Você tem que ir pra academia e puxar, empurrar, levantar e abaixar as barras de ferro.

A musculação é o um dos três pilares pelo qual um homem pode aumentar sua beleza e o seu valor no mercado sexual.

Se você quer ser um homem de verdade, quer ser um novo homem, você tem que ir pra academia.

Se você quer comer uma mulher gostosa, você tem que ter um corpo decente.

Se você é gordo ou magricelo, como pode esperar querer comer aquela deliciosa que se preocupa com o corpo?

Então pare de frescura e vá pra academia.

As mulheres vão te desejar mais e o seu corpo vai produzir a tão desejada testosterona.

Alguns pontos importantes sobre a musculação:

  • Use exercícios compostos:
    Agachamento, levantamento terra e supine devem estar sempre nos seus regimes de treinamento. Exercícios compostos, que trabalham os músculos ‘grandes, estão associados com uma mais alta produção de testosterona.
  • Não deixe o seu treino muito volumoso:
    As suas séries devem ter entre 8 e 12 repetições e você nunca deve fazer mais do que 15 séries em um treino. Por mais que muitos sugiram fazer o contrário, se você fizer um treino muito volumoso e muitas vezes na semana, existe uma grande possibilidade de você entrar em “overtrainning”, ou sobre-treinamento. Em resumo, quando você treina seu corpo entra em um estado de inflamação; quanto mais volume, mais inflamado estará. E isso não é bom pra sua testosterona. Caso tenha necessidade, um suplemento de Vitamina C é uma boa pedida contra essas inflamações.
  • Falhe em todos os exercícios:
    Preste atenção que não é pra falhar em todas séries, mas em todos exercícios. Na realidade, falhar em todas series pode até ser contraprodutivo. E, é óbvio, nunca chegue à falha muscular no supino, ou qualquer outro exercício que possa te causar problemas. Se possível, tenha sempre alguém para te ajudar na execução dos exercícios.

Descanse direito!

Por mais que você tenha vontade de ficar grande rapidamente, dê tempo ao tempo. Crescimento muscular é algo que se cultiva com o tempo.

Ao menos dois dias na semana, no mínimo, e preferencialmente três ou quatro dias, você não deve fazer nenhum exercício de alta intensidade.

Estudos mostram que quem treina demais acabam tendo uma drástica diminuição na testosterona.

Pense num maratonista, que treina todos os dias: você gostaria de ter o corpo magricelo igual ao dele?

Se não, então não treine como ele treina.

Caminhadas, corridas leves, bike, etc, não são considerados exercícios de alta intensidade.

Na verdade, é ótimo pra sua saúde se você se movimentar mais do que está acostumado.

4º passo: Durma mais e melhor.

Durma mais e melhor para seu corpo produzir mais testosterona

Se você não está dormindo ao menos 7 horas ao dia, você está minando a sua produção de testosterona.

O nosso corpo produz praticamente toda sua testosterona durante o sono.

Essa alta produção é um dos motivos pelos quais nós acordamos de pau duro (se você não acorda de pau duro regularmente, é possível que tenha baixos níveis de testosterona).

Então, se você não dormir bem e suficiente, o seu corpo não consegue produzir testosterona tão eficientemente e efetivamente.

Em um estudo, pesquisadores da Universidade de Chicago descobriram que jovens que dormiram por menos de 5 horas durante uma semana tiveram uma queda de produção de testosterona entre 10 e 15% o que poderia ser um início de uma andropausa.

O sono não apenas aumenta a testo, como ele também ajuda a manter o cortisol em baixos níveis.

O cortisol é um hormônio que é liberado em períodos de estresse e é conhecido por cortar os efeitos da testosterona quando em altos níveis no sangue.

Para ter uma boa qualidade de sono, existem certas medidas que você deve tomar:

  1. Não ingira nada que contenha cafeína até 8 horas antes de dormir (não tome nada com cafeína depois das 16h)
  2. Durma em um ambiente totalmente escuro e evite “luzes azuis” uma hora antes de dormir. As luzes azuis são emitidas pela tela do celular, do notebook, da TV de LED. Ao invés de ficar no seu celular, leia um livro.
  3. Faça uma pequena sessão de relaxamento na cama. Respire e expire calmamente, relaxando todos seus músculos. Assim, seu corpo não ficará tenso durante o sono e até seu maxilar ficará mais relaxado.

Quando tomo essas medidas, eu costumo ter sonhos muito vívidos e às vezes acordo até antes do despertador tocar.

Uma boa noite de sono vai mudar sua qualidade de vida.

5º passo: Relaxe.

Quando a gente se estressa, as nossas glândulas adrenais liberam o cortisol para preparar nosso corpo para lidar com uma situação de stress – que é a resposta instintiva de “lutar ou fugir”.

Em pequenas doses, o cortisol não causa problemas e pode ser até útil, mas altos níveis de cortisol por longos períodos de tempo podem causar sérios danos ao nosso corpo e à nossa mente.

Inúmeros estudos mostram uma relação entre cortisol e testosterona: quando o nível de cortisol está alto, o nível de testosterona está baixo; quando o nível de testosterona está alto, o nível de cortisol está baixo.

Em resumo, evite o stress.

Evite situações desagradáveis.

Tente não se importar com besteiras.

Você também pode praticar meditação, exercícios de respiração, desligar o celular e deixar de conferir o seu e-mail o tempo todo, mudar a rotina do seu trabalho, anotar todos os seus compromissos em uma agenda para deixar sua mente livre o resto do tempo, etc.

6º passo: Faça mais sexo.

Fazer mais sexo aumenta sua testosterona

A testosterona é o que rege o nosso desejo sexual: quanto mais testosterona uma pessoa tiver, mais vontade e mais tesão ela terá.

E essa é uma via de duas mãos: quanto mais um homem faz sexo, mais testosterona ele produz.

Quanto mais testosterona ele produz, mais sexo ele faz… mais uma vez, aquele círculo virtuoso que já comentei.

Mas que fique claro que a testosterona só aumenta quando é feito sexo com uma mulher.

A masturbação causa um impedimento no aumento da testosterona.

A razão disso é que, por algum motivo ainda não descoberto, a relação sexual entre duas pessoas libera certos hormônios que criam uma ligação emocional entre essas duas pessoas.

É fácil perceber isso porque no pós sexo sempre a garota se abre muito mais profundamente do que se abria antes do sexo.

É nessa hora que ela relaxa e começa a ser “ela mesma”, mesmo que nada tenha mudado, além do sexo ter acontecido.

Talvez a ação desses hormônios seja imediata e por isso vemos essa mudança repentina de comportamento.

Concluindo

homem sem testosterona baixa

Para aumentar a minha testosterona em 30% eu usei este suplemento aqui.

E é exatamente isso que o meu amigo que falei no começo do texto fez para aumentá-la em 80%.

Não usei nenhum tipo de gel, creme ou injeção.

Não utilizei nada de ilegal ou imoral. Só melhorei meus hábitos e tomei alguns poucos suplementos.

Esse é um estilo de vida que continuarei a seguir para sempre.

Não apenas aumentou minha testosterona como melhorou minha qualidade de vida, meu sono, minha energia durante o dia todo, minha disposição e minha motivação para vencer.

Por fim, esses artigos em que eu cito diversas mudanças de comportamento sempre trazem diversos questionamentos do tipo “Posso deixar de fazer Z?” ou “Posso substituir A por B?” ou então “E se eu não conseguir fazer Y?”.

Bem, aí fica a seu critério.

Se você não conseguir seguir 100% ao protocolo, não há o que eu possa dizer que vá mudar isso.

Não há estudos que digam exatamente o que irá acontecer se você só fizer A, B, Z ou Y e nem eu saberia dizer.

Isso é o que eu fiz para aumentar o meu nível de testosterona e isso é o que muitos que conheço também fizeram para melhorar de vida.

Se você realmente não puder fazer um ou outro, faça todo o resto que você conseguir.

Incorpore o máximo de recomendações e faça os testes, medindo seus resultados.