Skip to main content

O homem moderno é o melhor ESCRAVO que a história já criou

Um homem moderno começa a sua vida de escravidão logo após terminar o ensino médio, quando ele decide fazer uma faculdade e receber um diploma (quase sempre) inútil.

Para pagar a sua faculdade, ou ele se endivida em um financiamento estudantil que vai durar 10 anos após se formar, ou ele vai trabalhar em um emprego que vai dedicar 40hs da sua semana para sobreviver miseravelmente com um salário de R$1500.

E aí como ele não vai ter muito dinheiro (afinal, a mensalidade da faculdade é responsável por consumir 1/3 do seu salário), ele acaba acreditando que ter um cartão de crédito é uma boa ideia.

Assim, ele fica endividado eternamente com o banco.

Ele vai para as baladas gastar mais uma boa parte do seu salário, porque dizem que é apenas lá que ele vai conseguir alguma mulher que vai sentir tesão por ele.

Quando ele chega frustrado em casa depois de uma noite de bebedeira e sem conseguir ninguém na balada, ele se enfurna no seu computador e entra num site de pornografia sujo.

Ele mal percebe que esse é um ciclo extremamente vicioso: mentem para ele dizendo que ele tem que ir pra balada para conseguir interagir com alguém do sexo oposto.

E aí mentem dizendo que o problema é COM ELE, e não com o ambiente completamente desfavorável que é uma boate para um homem, e então ele se frustra mais com a sua má performance e se perde na pornografia.

E aí a pornografia faz dele, mais uma vez, escravo.

Ele perde boa parte do seu ímpeto mais masculino ao assistir outros homens comendo as mulheres que ele queria comer.

E então esse homem, esse escravo moderno, se alimenta das mais diversas porcarias cheias de estrogênio e hormônios femininos, o que tornam ele cada dia mais feminilizado.

Esse cara paga mais de R$100 por mês para uma VIVO da vida, só porque ele precisa acessar o  seu Facebook e dar like nas gostosas, loucas por atenção, do Instagram.

E aí ele vai compartilhar vários “caiu na net” no grupo do Whatsapp, porque ele é incapaz de conseguir uma gostosa daquelas na vida real.

Ele voluntariamente se escraviza para uma mulher que não tá nem aí para ele.

Ele acha que, porque viu num filme, ele é obrigado a “salvar” certas mulheres de sua própria miséria.

A cada dois anos ele vai até a urna de votação, depositar toda a sua confiança em um político que está pouco se fodendo para a vida dele.

Mal sabe ele que o voto dele não vale nada, e que os políticos nunca vão fazer nada para melhorar a sua vida.

Como ele não tem identidade própria, esse escravo moderno vai se identificar com coisas que são alheias a ele, como um time de futebol, ou mesmo uma marca de celulares tipo a Apple, ou então basear toda a sua visão de vida em alguma vertente política.

Ele vai brigar e até perder amizades por causa disso.

Ele vai se programar mentalmente com programas de televisão e com os filmes de massa, e ao invés de ver aquilo como entretenimento, ele vai achar que aquilo é um ensinamento para a vida.

Ele vai aceitar todos os dogmas feministas, e vai acreditar que deve sentir tesão em uma gorda feia só porque algumas feministas disseram isso para ele.

Assim como ele vai acreditar naquele conto da Disney, que diz pra ele que ele só tem uma chance para ser feliz na sua vida.

Se ele perder a sua “alma gêmea”, ele está condenado à uma infelicidade miserável.

Ele acredita que algum dia se tornará milionário, então é melhor aceitar a forma desrespeitosa como é tratado no trabalho.

Ele vai abaixar a cabeça e nunca tentará encontrar uma outra fonte de renda, afinal, quando chega em casa é hora de relaxar.

Ele vai ter medo de expressar seus desejos sexuais, de demonstrar suas vontades, de mostrar que ele não é uma porta sem opinião, porque as pessoas à sua volta podem julgá-lo e ficarem bravas com ele.

Em toda a história da humanidade nunca existiu esse fenômeno em massa de escravos voluntários.

O homem moderno tem todo o conhecimento do mundo na ponta dos dedos.

Mas ele prefere se sentir seguro e confortável aceitando tudo o que é imposto pra ele.

Ele prefere se deliciar com algumas imagens de mulheres semi-nuas de algum Instagram famoso do que ter as bolas para dizer um “Oi” para alguma bonita na rua.

Os escravos de antigamente faziam de tudo para fugir da prisão.

Os escravos de hoje se aprisionam cada vez mais, desde que a tela de 6 polegadas do seu celular esteja ligada e com internet disponível.

 

SALVE UM AMIGO DA ESCRAVIDÃO, COMPARTILHE COM ELE:

 

  • Marco

    Porra, Denis… esse texto é um verdadeiro soco na cara!!
    Infelizmente, é a mais pura verdade das nossas vidas.
    Muito bom mesmo!!!

    • Denis Carvalho (admin)

      Valeu pelos elogios, Marco!

  • Rafael

    Que soco no estomago.
    Aprendo muito com voce, embora eu ainda tenho que melhorar muito.
    Estou um pouco dentro do dito no texto, mas a diferença e que nao e uma tela de 6 polegadas(ate porque nem curto celucar) e sim um monitor de 768p.
    E brabo. Da vontade de mudar, mas nao consigo. Mas enfim, muito obrigado por mais um texto!!

    OBS: Estou bem ansioso com teu curso. Descobri dele hoje. Preço acessivel Denis, por favor!! Nao sei se esta apto a ideias, mas poderia colocar alguns motivacionais e texto sobre linguagem corporal no seu curso. Seria show!

    OBS2: Meu teclado ta com problema de acentuaçao, entao, desculpe pelos erros de portuges.

    Abraços! Continue com seu excelente blog !!!

    • Denis Carvalho (admin)

      Rafael, a ideia é tentar melhorar um pouquinho a cada dia. Desse jeito, qdo vc menos perceber, vc vai estar muito melhor do que era.

      Sobre as perguntas do curso Química do Texto: o preço vai ser um pouco alto, mas vai valer a pena cada centavo. Ele é literalmente a junção de todos os meus conhecimentos sobre namoros online que eu juntei ao longo dos anos. Vou ensinar desde o mais básico do básico que é o que escrever no seu perfil até mesmo como escolher o melhor lugar de encontro pra conseguir levar a garota pra cama no mesmo dia (ou como escolher um lugar para que a garota queira sair com vc outras vezes).

      Sobre a linguagem corporal, vai ser impossível colocar isso neste curso. Ele já tem MUITA coisa, mas MUITA coisa mesmo. Muitas experiências, muitas dicas. E a questão da linguagem corporal é muito extensa para adicionar como poucos vídeos.

  • Rodrigo

    2017 começou muito bem no Novo Homem!

    • Denis Carvalho (admin)

      E vai continuar assim!

  • Paulo

    Estou comentando para saber de você Denis. Um tal vídeo que vc falou que iria fazer, já foi feito ou não? E o “química do texto”, já saiu? Além disso, há algo mais que vc planeja fazer ou outro curso que eu não saiba? Seria muito bom vc responder aqui sobre isso, pois os melhores lêem os comentários além dos artigos, com isso poderíamos ter essa informação sua.

    • Denis Carvalho (admin)

      Paulo, ainda não terminei o curso do “Química do Texto”. Era pra eu ter terminado há uns 3 meses, mas como eu tenho milhares de responsabilidades tanto na vida profissional quanto na pessoal, acabei tendo que priorizar essas coisas.

      Mas fique tranquilo que quando eu lançar o curso vc vai saber: vou avisar tanto pelo email quanto aqui pelo site. Um abraço!

  • Francisco Franchini

    Porra o Japão é uma desgraça mesmo, me afastei de todos meus amigos q assistem anime e essas merdas. Ainda bem que meu heroi de infância é o Bear Grylls do À Prova de Tudo kkk.
    Se tem duas coisas pelas quais eu realmente agradeço, foi ter conhecido o livro Pai Rico Pai Pobre, e esse site aqui. Graças a isso não vou fazer parte desse futuro lixo ai.
    Denis, vc é foda cara, parabéns mano, de verdade. Vc tem ajudado muita gente com o seu trabalho.

    • Denis Carvalho (admin)

      Valeu Francisco. Vejo você sempre por aqui e espero mesmo que meus artigos estejam te ajudando. Agora o jeito é colocar tudo em prática. Um abraço!

  • Dedé

    Infelizmente esse texto é a realidade de muita gente.
    Senti uma certa tristeza quando li o texto.
    Isso é o mundo real, como a maioria das pessoas vivem, não é a toa que ansiedade e depressão são problemas tão comuns.
    Essa vida de balada e rede social é altamente destrutiva.
    Eu tenho uma colega de trabalho que se formou em administração pelo fies. Ela é concursada num cargo de nível médio.
    Hoje ela paga carroe apErtamento financiados além do fies e pra piorar vive entrando no cheque especial, parcelando as faturas do cartão de crédito.
    Ela disse que estava com problemas pra dormir, foi a ao médico e ele receitou remédios pra ansiedade.
    Eu receitaria vender o carro, o apartamento e cortar os cartões de créditos. Do fies ela não tem como fugir.
    É triste, mas essa é a realidade de muita gente.

    • Denis Carvalho (admin)

      Dedé, exatamente. Esqueci ainda de falar do financiamento do carro, da casa e etc. As pessoas se afundam voluntariamente em dívidas e depois reclamam das mesmas.

  • Aldo

    Muito bacana esse seu texto,como a maioria dos textos aqui..Essa é a pura realidade de muitos hoje em dia..Sei que esse não é o assunto principal do texto..Sobre a pornografia(um vicio que eu tento me livrar)gozar depois de se masturbar assistindo pornografia,da um sentimento de fracasso e depressão e faz vc se sentir um homem fracassado..Gozar depois de comer aquela mulher gostosa da vida real, da um sentimento de satisfação e realização e faz vc se sentir um homem de verdade…

    • Denis Carvalho (admin)

      Essa é a típica depressão pós-punheta. Todos temos, em maior grau ou menor grau. Engraçado que a gozada pós-sexo não existe (quando a gente come uma mulher que realmente estamos interessados.. afinal, a depressão pós-comer-uma-gorda-feia outra realidade)

  • Caras. não sei se já leram Pai rico, pai pobre, mas é algo bem próximo do que vocês escreveram nesse artigo. Muito bom! Recomendo a leitura.

    • Denis Carvalho (admin)

      Deorgenes, exatamente. Esse livro cria uma ótima mentalidade nas pessoas.

  • BERNARDO

    cara, conheço um caso real de um cara BOA PINTA, que namorou e casou com uma anã e escrota ainda- se fosse bonitinha vá lá kkkk ……….dênis, voce acha que isso é um caso de ‘querer salvar ‘ ou o que ? acreditas realmente que um homem deva fazer essas coisas, se casar com uma das pessoas mais feias do mundo ? que será isso, hem ?

    abraço